fbpx

Blog da Inove Sua Obra

Acesse materiais inovadores: "Como Assentar Piso" até vídeos de clientes satisfeitos sobre nivelador de piso, porcelanato, amarração de ferro, entre outros conteúdos de alto valor.

Quando escolher luz branca ou amarela

Antes de mais nada, é importante fazermos a seguinte observação: a diferença entre luz branca e amarela é somente um efeito visual – também psicológico. Ou seja, elas não interferem em nada além disso.

No caso, chamamos de luz fria a luz branca, e luz quente a luz amarela – porque passam a impressão dessas temperaturas. Mas elas não esquentam (ou esfriam) o ambiente, no sentido literal da palavra.

Está com dúvidas quanto a como usar essas lâmpadas? Aproveite para aprender mais com a Inove Sua Obra!

Luz branca ou luz amarela, qual a ideal?

A luz branca facilita a distinção dos objetos, mantendo nossa mente alerta para com os itens do cômodo. Ela proporciona facilidade na hora de identificar detalhes, ao passo que aumenta nosso foco.

Dessa forma, a luz branca fica ótima na cozinha e em locais onde se executam trabalhos manuais.

Já a amarela, ao contrário da branca, diminui a definição dos objetos. Ou seja, temos a sensação de aconchego quando somos banhados por essa luz. É como se descansasse a vista, ideal para quartos e salas.

Qual a importância da luz ambiente certa?

A luz ambiente faz muita diferença para a qualidade de vida da família. Uma de suas implicações, por exemplo, é manter a insônia longe de casa.

Uma luz amarela no quarto oferece conforto para os instantes antes do sono. Aliás, sempre use dimmers para controlar a intensidade.

Já uma lâmpada branca na cozinha favorece os trabalhos manuais, dando mais precisão aos movimentos.

Como iluminar um cômodo com estilo?

Arandelas

As arandelas permitem luz indireta, ideal para quartos de bebê, corredores e cabeceira de cama. No caso, por se tratar de uma luz de menor intensidade – pela lâmpada estar atrás de um material -, pode ser tanto amarela quanto branca.

Em geral, a instalação fica a 1,90 metros do chão, mas não é um padrão rigoroso: você pode adaptar ao seu caso.

Fita de LED

A fita de LED é um dos itens de iluminação mais versáteis que há no mercado. Ela é fácil de instalar, ao passo que faz uma enorme diferença no ambiente.

O preço também é bastante em conta: o kit todo, incluindo o controle remoto, fica na faixa dos R$ 100.

A fita fica ótima atrás de prateleiras e móveis, podendo ser usada na cabeceira da cama.

Luminária pendente

A luminária pendente costuma ficar acima das mesas, iluminando certos pontos do cômodo. Aqui a cor faz muita diferença: se for uma mesa de trabalho, usar luz branca é o indicado.

Porém, se estivermos falando em mesa de jantar, o tom amarelo dourado traz mais conforto durante a refeição – e prepara os presentes para dormir.

Trilho com Spots

Por fim, o trilho com spots serve para direcionar focos de luz a um determinado objeto/local do cômodo. 

O efeito visual é surpreendente, ideal para quem quer dar destaque a certos móveis do cômodo. As lâmpadas LED brancas são ótimas nessa função.

Se direcionado para o teto (de cor clara), permite o efeito de refletor, distribuindo luz por todo o ambiente.

Agora que você sabe tudo isso, está pronto para iluminar cômodos de forma adequada!


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: