6 ferramentas que todo azulejista deve ter

Se você quer saber quais são as seis ferramentas que todo azulejista deve ter, você está no lugar certo. Para garantir sempre um melhor atendimento para os clientes, o pedreiro azulejista precisa ter sempre as melhores ferramentas.

Ter em mãos as ferramentas certas faz com que cada trabalho seja realizado sempre da melhor forma possível, com uma maior agilidade e qualidade. A qualidade do trabalho do pedreiro azulejista é algo que vai ficar em grande destaque, já que há muitas superfícies a serem azulejadas.

Quer saber um pouco mais sobre as ferramentas que todo azulejista precisa ter, além de conhecer um pouco mais sobre essa profissão? É só ler até o final do conteúdo que preparamos especialmente para você.

Ferramentas indispensáveis para um pedreiro azulejista

Se você está renovando o seu material e precisa saber em quais ferramentas precisa investir primeiro, fizemos uma lista com as 6 ferramentas que você precisa ter. Com essas ferramentas, você consegue realizar o seu trabalho como azulejista sem precisar se preocupar.

Como a metragem de revestimentos é muito grande e fica muito aparente, é preciso que o azulejista preze sempre por entregar o melhor para seus clientes. Por isso, ter as ferramentas certas é o primeiro passo para conseguir prestar um bom serviço, independentemente do tamanho da área a ser revestida.

Nivelador de piso

O nivelador de piso, assim como o próprio nome já diz, é utilizado para garantir um melhor nivelamento nos revestimentos. O nivelador de piso é composto por dois itens diferentes: os clipes e as cunhas.

Os niveladores de piso vão ser os responsáveis por igualar o revestimento, o que garante um acabamento de maior qualidade. Além disso, ao utilizar os niveladores, você diminui consideravelmente as chances de que o revestimento fique defeitos no assentamento.

Utilizando os niveladores, o azulejista garante que o acabamento geral do revestimento seja muito mais uniforme. Além disso, a ferramenta diminui consideravelmente o tempo de trabalho e até mesmo a mão de obra envolvida, possibilitando que o azulejista trabalhe sozinho.

Outra vantagem dos niveladores é que o custo é relativamente baixo, pois as cunhas e a ferramenta de aplicação são reutilizáveis, garantindo uma maior economia. Os clipes, mesmo que sejam descartáveis, são baratos, o que comparando com a maior qualidade da obra, é com toda certeza algo a se investir.

A aplicação é bastante simples, os clipes são colocados de acordo com o tamanho do revestimento. Posteriormente se coloca uma cunha em cada clipe, utilizando a ferramenta adequada.

Após o nivelamento, basta quebrar o clipe e retirar as cunhas, passando o rejunte para dar o acabamento final. 

Máquina de corte

Nem sempre a medida do revestimento se encaixa perfeitamente, por isso é preciso fazer alguns cortes para que a medida seja exata. Para que o piso fique alinhado em todo o ambiente, é preciso fazer a medição correta e utilizar a ferramenta certa para efetuar o corte do revestimento.

Para obras de pequeno porte, geralmente se utiliza os cortadores de piso, que nada mais são do que um riscador e depois destacar as partes do piso. Para realizar poucos cortes, é a melhor opção por causa do custo benefício.

São dois tipos de máquina de corte motorizada para você escolher, a cortadora manual e a cortadora motorizada de piso. A grande diferença entre elas é que a de piso é mais indicada para grandes obras, como por exemplo fazer todo o revestimento em um condomínio ou um prédio comercial.

A cortadora manual serve tanto para cortes retos no revestimento como também nas paredes. Essa máquina de corte consiste basicamente em um disco de corte e precisa de uma superfície adequada para poder ser utilizada.

A cortadora de piso pode ser utilizada tanto para cortes a seco quanto para cortes refrigerados, sendo muito utilizada para o corte de concreto e até de asfalto. Por causa do tanque de água para o resfriamento do corte, a precisão do disco de corte é muito superior.

Por ser uma máquina relativamente grande, não é a melhor opção para obras de pequeno porte, além disso, seu custo é bem mais elevado.

Martelo de borracha

O martelo de borracha é essencial para fazer o assentamento dos pisos e outros revestimentos, pois é fabricado em borracha e evita danos ao revestimento. Por ser fabricado em borracha de excelente qualidade, é possível realizar uma pressão sobre o revestimento sem ter perigo de causar riscos ou mesmo de danificar o material.

Para garantir uma maior eficiência em toda obra, o azulejista precisa ter sempre em mãos um martelo de borracha, evitando assim o uso de materiais inapropriados. Utilizar outros tipos de martelo pode não só riscar o revestimento como também danificá-lo seriamente. Por isso, investir em um martelo de borracha é evitar possíveis prejuízos com o material do seu cliente.

Suporte de régua

Todo azulejista já deve ter passado por uma situação difícil onde fazer o assentamento dos azulejos na parede parecia uma tarefa impossível. Para evitar esse problema, a solução é uma ferramenta conhecida como suporte de régua para azulejo.

Uma das principais funções dessa ferramenta é evitar que o azulejista precise fazer furos na parede para nivelar o revestimento por meio de um sarrafo. Dessa forma, o trabalho fica muito mais rápido e prático, além de diminuir as chances de ocorrer qualquer tipo de perfuração no encanamento.

Como todo azulejista já possui sua régua para fazer o nivelamento, basta comprar a ferramenta e garantir muito mais praticidade na hora de colocar os azulejos. O funcionamento é bem simples, basta ir regulando o suporte na altura necessária, utilizando uma fileira de azulejos ou mesmo a parede como base.

Por ser algo que pode ser utilizado inúmeras vezes, basta investir em uma boa régua e em um bom suporte, facilitando muito a tarefa de colocar azulejos nas paredes.

Desempenadeira

A desempenadeira é um dos itens essenciais que um azulejista sempre precisa ter em mãos. Além de fazer o preparo da parede antes de colocar o revestimento, a desempenadeira é uma ferramenta indispensável para fazer o rejuntamento dos pisos e azulejos.

A desempenadeira é essencial em vários processos da construção civil, retirando ondulações e desníveis da superfície de paredes e contrapisos. Dessa forma, todo o processo de colocação dos revestimentos acontece de maneira muito mais uniforme.

Os tipos de desempenadeiras mais comuns no mercado são:

  • Desempenadeira emborrachada: é o modelo mais utilizado para acabamento e alisamento com massa fina e acrílica. É o modelo mais utilizado para espalhar o rejunte nos revestimentos;
  • Desempenadeira com espuma: é muito utilizada para fazer o nivelamento próximo a cantos por causa da sua superfície com espuma. É o modelo ideal para realizar o nivelamento de argamassa.
  • Desempenadeira estriada: é muito utilizada para fazer o acabamento com massa fina ou massa grossa. É indicada principalmente para o nivelamento e para o revestimento das superfícies.
  • Desempenadeira lisa: é a mais utilizada quando se diz respeito à aplicação e dar acabamento em massa fina ou grossa.
  • Desempenadeira para grafiato: como o próprio nome diz, esse modelo de desempenadeira é mais utilizado para a aplicação de revestimento decorativo.

Espátula para rejunte

Da mesma forma que a desempenadeira funciona para espalhar o rejunte de forma uniforme, a espátula para rejunte é geralmente utilizada para essa tarefa específica. Dessa forma, você garante uma ferramenta especialmente para a tarefa de espalhar o rejunte, sem precisar utilizar a desempenadeira.

Em tamanho reduzido, é uma ferramenta muito eficiente tanto para aplicar o rejunte como para remover os excessos, gerando uma maior economia de materiais. Além disso, é uma ferramenta de baixo custo, que pode ser reutilizada várias vezes sem problemas, basta manter a ferramenta limpa depois de cada uso.

A importância de ter boas ferramentas

Agora você já sabe quais são as ferramentas que todo pedreiro azulejista precisa ter. Mas você sabe a importância de se ter essas ferramentas? Bom, se você não sabe, nós podemos te explicar.

O principal motivo de se ter boas ferramentas é poder tornar o dia a dia de trabalho mais prático e eficiente. Isso porque, uma pessoa que trabalha até a exaustão não vai conseguir garantir um padrão de qualidade.

Por exemplo: você é um azulejista que precisa fazer vários serviços ao mesmo tempo para conseguir garantir algum lucro. Se você tem as ferramentas certas, seu trabalho vai ser muito mais eficiente, sem precisar contratar um auxiliar.

Dessa forma, você consegue prestar o serviço da melhor forma possível, garantindo a qualidade que o cliente espera e ainda conseguindo um lucro no processo.

Além disso, é importante ter boas ferramentas para sempre garantir o melhor serviço para o seu cliente. Um azulejista que presta um bom serviço vai ser recomendado por todos os clientes, pois o revestimento é algo muito visível em uma obra.

Mesmo que pareça um gasto a mais investir em ferramentas, você precisa comparar o gasto das ferramentas com o lucro ao entregar um serviço de qualidade para o cliente. Ao fazer essa conta, fica óbvio que investir em algumas ferramentas é algo muito simples que dará vários resultados positivos.

Como se destacar como azulejista

Agora que você já sabe a importância de se ter ferramentas apropriadas, que tal saber como se destacar na sua profissão? Separamos algumas dicas imperdíveis para você conseguir se destacar como pedreiro azulejista.

Inove sempre

O primeiro passo para se destacar como azulejista é basicamente você saber exatamente aquilo que está fazendo. Para isso, invista um tempo pesquisando sobre as coisas que estão na moda e procure aprender sobre a aplicação daquela novidade.

Para se destacar como um azulejista basta estar sempre atento para os revestimentos que estão na moda. Assim você garante que sempre vai ter novidades para o cliente. Além disso, aprimorar seus conhecimentos e prestar sempre o melhor serviço vai com toda certeza garantir que você se destaque no ramo.

Se apresente da melhor forma possível

Saber se apresentar é algo essencial para todas as profissões, não só para os pedreiros azulejistas. Fazer uma apresentação utilizando um uniforme com o seu número de telefone e o nome da sua empresa é uma boa forma de conquistar a confiança do cliente.

Respeitar as regras de convivência como não fumar no ambiente de trabalho e entregar um serviço limpo, são boas formas de demonstrar confiança ao prestar um serviço. Além disso, utilizar roupas adequadas para o trabalho e se comportar de maneira educada são as melhores opções para deixar seu cliente satisfeito.

Grande parte das pessoas retratam o comportamento dos prestadores de serviço como invasivos. Por isso, é melhor não fazer nenhum tipo de comentário sobre a obra ou sobre a reforma da pessoa, a menos que tenha ligação direta com o serviço que está sendo prestado.

Mantenha seus compromissos

Se você quer se destacar como um azulejista, você precisa manter seus compromissos. Por exemplo, ao agendar o serviço com um cliente, o ideal é comparecer no horário marcado.

Se aquele dia em específico você não puder realizar o serviço, avise com o máximo de antecedência e avise o seu cliente, assim ele não ficará esperando por você. Além disso, caso você comece a obra e perceba que o serviço vai demorar mais do que o combinado, avise imediatamente o dono da obra.

Nessa situação, se for literalmente impossível terminar no prazo estabelecido, é preciso avisar o seu cliente e fazer o possível para acabar o mais rápido possível. Assim, você garante que seu cliente saiba que você cumpre seus compromissos e com toda certeza vai te indicar outros clientes.

Use materiais de qualidade

Mesmo se o orçamento do seu cliente não for muito grande, utilizar materiais de qualidade é um importante passo para ter destaque como azulejista. Isso porque ao utilizar materiais inferiores, o resultado final não vai ter uma qualidade muito boa, o que pode acabar com a sua reputação como azulejista.

Para evitar situações como essa, sempre recomende os melhores materiais de acordo com o orçamento do seu cliente. Dessa forma, o resultado final vai ser exatamente o esperado, sem nenhum tipo de dor de cabeça.

Agora você já sabe um pouco mais sobre as ferramentas que um azulejista precisa ter, sobre a importância de ter as ferramentas certas e também como se destacar no ramo. Então basta colocar as nossas dicas em prática e conferir no nosso site todas as ferramentas que mencionamos.


Deixe uma resposta